O navio do Sea Shepherd, Farley Mowat, no Golfo de St. Lawrence, litoral do Canadá, em oposição ao abate de focas. Nesta campanha, uma equipe da Sea Shepherd foi atacada e agredida violentamente quando estava no gelo tentando salvar os animais. Onze tripulantes foram presos e acusados de documentar o assassinato de focas. A polícia se recusou a fazer acusações contra os caçadores por agressão. O navio segue para o norte, para a região de Labrador, marcando a primeira vez que um navio foi para a frente do litoral de Labrador para se opor ao abate de focas. A tripulação enfrenta, neste momento, fortes tempestades, mas intervém com sucesso na caça. A ong  Sea Shepherd Conservation Society é a mais atuante na preservação da vida marinha e que existe no litoral de diversos países. (#Envolverde)

O post Ambientalistas do Sea Shepherd são agredidos por caçadores de focas apareceu primeiro em Envolverde - Revista Digital.