GUANGZHOU, 11 de outubro de 2018 (WAM) – Os Emirados Árabes Unidos (EAU) estão participando como o primeiro parceiro árabe da 15ª Feira Internacional de Pequenas e Médias Empresas da China (CISMEF), inaugurada na última segunda-feira em Guangzhou, cidade da província de Guangdong, e continuará até o dia 13 de outubro.

O pavilhão dos EAU cobre uma área de 1.000 metros quadrados no local, com 78 plataformas diferentes dedicadas às pequenas e médias empresas (PMEs) do país e outras entidades nacionais.

A delegação do país é liderada por Abdullah bin Ahmed Al Saleh, Subsecretário do Ministério da Economia para Assuntos de Comércio Exterior, em nome do Sultão Bin Saeed Al Mansouri, Ministro da Economia e chefe do Conselho de Pequenas e Médias Empresas. A delegação inclui mais de 120 participantes de entidades federais e locais, bem como do setor privado, incluindo quase 85 empresários dos Emirados Árabes Unidos e proprietários de PME do país.

O CISMEF é considerado uma das mais importantes plataformas regionais e internacionais do setor de empreendedorismo, atraindo mais de 200.000 visitantes todos os anos.

Em seu discurso, Abdullah Al Saleh disse que o CISMEF evoluiu para uma plataforma líder de parceria econômica entre as PMEs em nível global e oferece uma oportunidade única para as PMEs dos países participantes trocarem conhecimentos e forjar relações comerciais estratégicas.

Ele disse que as relações bilaterais entre os EAU e a China são robustas e estão crescendo rapidamente, como evidenciado pela intensidade das visitas oficiais e comerciais entre os líderes de ambas as nações. Ele ressaltou que a visita histórica de Xi Jinping, presidente da República Popular da China, a Abu Dhabi há alguns meses desempenhou um papel de destaque na consolidação da parceria entre os dois países.

Al Saleh acrescentou que a China é o maior parceiro comercial não-petrolífero dos Emirados Árabes Unidos e que o comércio externo entre os dois países cresceu 15% em 2017, com um valor total de US $ 53,3 bilhões. Ele disse que os Emirados Árabes Unidos responderam por cerca de 30% do total das exportações da China entre os países árabes e por cerca de 22% do total do comércio árabe-chinês em 2017. A China é um dos dez principais mercados de turismo dos Emirados Árabes Unidos.

Ele destacou que a participação na exposição foi estrategicamente importante, pois proporcionou a oportunidade perfeita para educar o setor privado e empresários sobre as oportunidades de comércio e investimento, e disse que o setor de PMEs era o sustentáculo do desenvolvimento econômico, devido ao qual a Os Emirados Árabes Unidos atribuem a mais alta prioridade a este setor, bem como ao desenvolvimento de um sistema legislativo e de ambiente de negócios que favoreça o apoio aos empreendedores, de acordo com as melhores práticas internacionais.

O Dr. Adeeb Afify, Diretor do Programa Nacional de PMEs, enfatizou que o CISMEF é considerado a maior delegação comercial fora do país, em termos do número de proprietários de PMEs dos Emirados Árabes Unidos que participam da feira, incluindo 85 pequenas e médias empresas nacionais de vários setores de negócios e serviços, ressaltando que a visita vem em linha com os esforços do programa para promover e capacitar os empresários locais para acessar facilmente os mercados externos.

Wang Yongqing, vice-diretor do Ministro da Informação e Indústria e vice-presidente do Comitê Organizador da Feira, disse que o CISMEF é hoje uma das mais importantes exposições internacionais de apoio ao empreendedorismo. Ele destacou a importância da participação dos EAU na exposição como país parceiro, uma vez que desfrutava de fortes relações econômicas e comerciais com a China. Os Emirados Árabes Unidos são o maior parceiro comercial da China no Oriente Médio, bem como um pivô na iniciativa Belt and Road. (#Envolverde)

O post Emirados Árabes Unidos participa da Feira Internacional de Pequenas e Médias Empresas da China em Guangzhou apareceu primeiro em Envolverde - Revista Digital.